A nova democracia?: Rotten Tomatoes, Metacritic, Twitter e IMDb

Wanderley de Mattos Teixeira Neto

Resumo


Artigo de autoria do professor Mattias Frey, da University of Kent, no título original The New Democracy?: Rotten Tomatoes, Metacritic, Twitter, and IMDb. O texto integra o livro Film Criticism in the Digital Age, organizado por ele e pela professora Cecilia Sayad (2015, p. 81 – 98), publicado pela Rutgers University Press.

O intuito do presente artigo é entender como o discurso da democracia digital é articulado na defesa e na contestação do argumento da dissolução da autoridade do juízo crítico em tempos de mídias sociais, agregadores de críticas e outras plataformas da internet. Através de uma análise dos posicionamentos discursivos e das políticas operacionais do site Rotten Tomatoes, podemos relativizar o entusiasmo pelas defesas de uma nova realidade marcada por supostas relações horizontais entre os críticos de cinema e os seus leitores através do estudo de três elementos dessa defesa endossada pelo referido site: a objetividade, o acesso e a participação. Assim, sites com propostas democratizantes como o Rotten Tomatoespodem reforçar noções tradicionais sobre a autoridade discursiva da crítica.



Palavras-chave


Crítica; Democracia Digital; Rotten Tomatoes; Autoridade Discursiva

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22475/rebeca.v6n2.495

Direitos autorais 2018 Wanderley de Mattos Teixeira Neto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

REBECA - Revista Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual

voltar para a revista


A rebeca é uma publicação da SOCINE - Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual

conheça o site da SOCINE


Licença Creative Commons

 Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia