O conceito de convenção cinematográfica de David Bordwell: a limitação do arbitrário

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22475/rebeca.v11n1.842

Palavras-chave:

convenção, universal contingente, David Bordwell, neoformalismo.

Resumo

O artigo discute o conceito de convenção cinematográfica de David Bordwell, construído a partir das críticas que o autor faz às vertentes naturalista e construtivista da teoria do cinema, especialmente à aplicação que os pesquisadores da área fizeram do princípio da arbitrariedade do signo de Saussure. Tem como objetivo fazer uma revisão críticados marcos teóricos e disputas conceituais que levaram Bordwell a defender a convenção como um universal contingente. Por fim, reflete acercado funcionamento de diferentes tipos de convenção, organizadas por Bordwell num continuum que parte de gatilhos sensoriais e formas transculturais em direção a sistemas recônditos.

Biografia do Autor

Alex Damasceno, Universidade Federal do Pará

Professor do Programa de Pós-Graduação em Artes e do Curso de Cinema e Audiovisual da Universidade Federal do Pará (UFPA). Doutor em Comunicação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS).

Downloads

Publicado

2022-07-29

Edição

Seção

Temáticas livres