Burkinabè Rising: resistência, arte e política em Burkina Faso/África

Vera Fátima Gasparetto

Resumo


Filme: Burkinabè Rising: the art of resistance in Burkina Faso, 2016.

 Resumo: Este trabalho faz uma análise do documentário Burkinabè Rising: the art of resistance in Burkina Faso (2016), dirigido pela brasileira Iara Lee. O filme trata de questões contemporâneas da África, olhando para Burkina Fasso pela porta da arte, construindo uma narrativa focada no potencial artístico e educativo e sua capacidade de questionamento, coesão social e produção de resistência a partir de diferentes expressões. A construção fílmica é permeada de fatos políticos, históricos e contemporâneos, alinhavados por manifestações artísticas de diferentes matizes. Mostra também os contrastes das paisagens belíssima do país (entre a aridez e a exuberante vegetação) e do colorido e alegria, das lutas e batalhas protagonizadas no cotidiano por mulheres e homens de todas as idades.

 

 

Palavras-chave


Burkina Faso, Resistência, Arte, Ativismo

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22475/rebeca.v7n1.513

Direitos autorais 2019 Vera Fátima Gasparetto

Licença Creative Commons
Esta obra está licenciada sob uma licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

REBECA - Revista Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual

voltar para a revista


A rebeca é uma publicação da SOCINE - Sociedade Brasileira de Estudos de Cinema e Audiovisual

conheça o site da SOCINE


Licença Creative Commons

 Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional

 

Desenvolvido por:

Logomarca da Lepidus Tecnologia